Objetivo:
Formação de técnicos com habilidades e competências para atuarem como agentes orientadores na manutenção da saúde e prevenção de doenças, através de ações educativas ligadas à alimentação do ser humano.
 
Perfil Profissional de Conclusão:

Dentre as inúmeras habilidades e competências que o Técnico em Nutrição e Dietética terá adquirido, ao concluir o curso, pode-se relacionar:
-supervisão e exercício do controle técnico-administrativo da área de alimentação e nutrição;
-aplicação de normas de biossegurança, higiene e saúde pessoal e ambiental;
-operação de equipamentos e utilização de recursos e ferramentas de informática específicos da área;
-orientação de clientes e pacientes  de forma a assumirem, com autonomia, a própria saúde;

 
Justificativas:

Estudos mostram que no Brasil e em outros países em desenvolvimento, grande parte das doenças pode ter origem genética, mas, freqüentemente, é conseqüência do estilo de vida que adotamos, tendo a dieta um papel fundamental. Cada vez mais pesquisas demonstram a importância da seleção criteriosa dos alimentos como forma de prevenção de doenças e prolongamento de uma vida saudável. Desta forma, o interesse por informações relacionadas à alimentação é cada vez maior, mas infelizmente, informações disponibilizadas nos meios de comunicação podem gerar dúvidas ou má interpretação à população. Cabe à Nutricionista e ao Técnico de Nutrição a correta orientação e disponibilização das informações. Pesquisa de mercado em nossa região demonstra a grande quantidade de pessoas interessadas em tornarem-se profissionais desta área, mas infelizmente, devido às poucas vagas oferecidas pelas escolas especializadas, acabam desistindo ou retardando sua formação profissional.