Objetivo:
Formar profissionais para usar corretamente os procedimentos logísticos com a finalidade de aumentar a competitividade das empresas. Capacitar o profissional para integrar as áreas operacionais das organizações, ou seja, o fluxo das informações, dos produtos e dos serviços desde o fornecedor até o consumidor final. Capacitar para aplicar a administração logística com a finalidade de dar velocidade e competitividade às organizações.
 
Perfil Profissional de Conclusão:

O Técnico em Logística deve ter alcançado, ao concluir o curso, as seguintes competências gerais:
- Realizar processos de compras de acordo com as necessidades, atendendo as políticas da organização e a legislação vigente.
- Executar conferência de materiais na recepção e na expedição.
- Utilizar sistemas e processos para planejamento, programação e controle: da produção de bens e serviços, de transportes e cargas, de estoques e de armazenagem.
- Controlar movimentação de materiais na organização.
- Elaborar processos de distribuição de produtos e/ou serviços, em conformidade com a legislação vigente.
- Elaborar programação para manutenção de máquinas e equipamentos.
- Elaborar planilhas eletrônicas para tomada de decisões gerenciais.
- Estabelecer canal de comunicação para viabilizar processos e operações logísticas.

 
Justificativas:

A logística integra duas ou mais áreas operacionais das organizações, administrando o fluxo de informações dos produtos e serviços, desde os fornecedores primários até o consumidor final. Portanto, deverá haver estudos para que o mercado tenha o produto certo, na quantidade certa, no tempo certo, no local certo, nas condições estabelecidas a um custo mínimo. Uma das maiores preocupações dessa administração está ligada à velocidade e competitividade das organizações. O uso correto dos procedimentos logísticos resulta no aumento da competitividade das empresas, que por meio da otimização de estratégias de abastecimento, produção e distribuição de bens ou serviços, tornam-se mais ágeis e eficientes.