Objetivo:
O Curso Técnico em Automação Industrial tem por objetivo habilitar profissionais em desenvolvimento de projetos, implementação e manutenção de sistemas de controle e de automação, supervisórios de monitoramento de processos, instrumentação, controladores lógicos programáveis e dispositivos robóticos utilizados nos processos industriais de acordo com os padrões de qualidade e produtividade, respeitando as legislações e observando as normas técnicas, ambientais e de segurança vigentes.
 
Perfil Profissional de Conclusão:

Ao concluir o curso, o aluno receberá o título de técnico em automação industrial. Este desenvolve projetos, efetua instalações e programações, integrando sistemas aplicados à automação e controle de processos industriais, além de analisar especificações de componentes e equipamentos que compõem sistemas automatizados. Suas atividades na indústria se referem a:

• Operar e manter os sistemas automatizados respeitando as técnicas de segurança e a normalização vigente;
• Coordenar equipes de trabalho e avaliar as qualidades dos dispositivos e sistemas automatizados, bem como a sua eficácia no processo;
• Realizar manutenções corretivas, preventivas e preditivas em sistemas automatizados.

 
Justificativas:

Ano após ano, o papel da automação industrial vem sendo modificado fortemente na medida em que surgem problemas cada vez mais complexos devido aos avanços tecnológicos. Os componentes contidos num sistema de automação evoluem constantemente desde os primeiros sistemas baseados em controle automático, mecanizado (como as primeiras linhas de montagem do século XX), até os sistemas baseados nas tecnologias atuais como a microeletrônica. O campo de atuação da automação foi expandido, rompendo os limites do ambiente de chão de fábrica. Na medida em que novos tipos de processos foram surgindo, nota-se que hoje as aplicações da automação estão presentes em sistemas desde a gerência de informação e negócios em tempo real até sistemas críticos no campo médico, por exemplo.

Questões como confiabilidade e segurança são fundamentais nesse sentido e constituem um dos muitos desafios enfrentados pela automação moderna, além da necessidade de um olhar para a sustentabilidade dos processos produtivos. O fato é que a área da automação industrial está sendo repensada em função do grande desenvolvimento, impulsionado pelas novas técnicas digitais.

O atual desenvolvimento da tecnologia e, em termos mais específicos, da automação, se dá pela necessidade em aumentarmos a capacidade competitiva dos polos industriais brasileiros frente aos outros países, levando ao surgimento de novas técnicas de implementação de funcionalidades de forma a aperfeiçoar a produção industrial, a operação de equipamentos, construção de dispositivos simples e baratos em larga escala e, em último caso, fornecer um benefício ao usuário final. O aumento da capacidade computacional dos dispositivos de processamento, o surgimento de novas formas de comunicação industrial, com protocolos bem definidos e de desempenho eficiente, o desenvolvimento de sistemas embarcados e a implementação em hardware, além das novas formas de gerenciamento de informações de produção, através de sistemas especializados, são demonstrações claras de que este mercado de tecnologia evoluiu bastante, necessitando, assim, de profissionais cada vez mais especializados e atualizados.

Sendo assim, a UMCTEC, com sua experiência em formação de mão de obra especializada na área técnica, juntamente com a ampla infraestrutura acumulada pela Universidade de Mogi das Cruzes com seus mais de 50 anos de experiência no ramo das engenharias, se põe a formar profissionais com capacitação técnica suficiente para contornar essas dificuldades e acompanhar essas mudanças, contribuindo com as indústrias e a sociedade de forma geral.